ÚLTIMAS NOTÍCIAS > Gabinete da prefeita

Projeto Tampart adere ao Pacto Pelotas Pela Paz

Proposta envolve arte, sustentabilidade e conscientização sobre cuidados com a natureza

Por Tânia Magalhães 12-06-2018 | 13:15:35

      Para marcar a assinatura do Termo de Adesão do Tampart ao Pacto Pelotas Pela Paz e o lançamento do programa de oficinas com a participação de seis escolas do Município, a prefeita Paula Mascarenhas, o vice Idemar Barz, o idealizador do Projeto, artista plástico Ubiratan Fernandes, secretários, representantes, diretores de escolas e público reuniram-se na manhã desta terça-feira (12), junto ao painel artístico confeccionado com mais de 700 tampinhas plásticas, no Mercado Central.

      Atendendo proposta da Comissão de Meio Ambiente da Câmara de Vereadores, presidida por Fabrício Tavares (PSD), com a colaboração das secretarias de Educação e Desporto (Smed), Qualidade Ambiental (SQA), Desenvolvimento, Turismo e Inovação (Sdeti), Cultura (Secult) e Sanep, o Projeto Tampart oficializa sua atuação em Pelotas.

Ao pronunciar-se, prefeita assinala conscientização e compromisso — Fotos: Gustavo Vara
“O Projeto tem tudo a ver com o que estamos fazendo aqui. O Pacto Pelotas Pela Paz envolve toda a cidade, assim como a campanha Seja Doce com Pelotas. No Pacto, a proposta é de preservação, de segurança; na Seja Doce, cuidados e envolvimento com a construção do futuro. O Tampart traz a ideia de conscientização, de compromisso, de participação das novas gerações na questão ambiental”, disse a prefeita Paula Mascarenhas.

Alcance do Projeto

      O Projeto Tampart resume-se na confecção de arte sustentável, com utilização de tampinhas de garrafas pet e de outras embalagens, com intuito de retirá-las de circulação na natureza. A proposta é o desenvolvimento de oficinas lúdicas com o objetivo de aliar arte, sustentabilidade e conscientização acerca do descarte correto do lixo que polui o ambiente natural, como exemplo os oceanos, causando danos e morte de peixes, aves e outras espécies vivas.

      Durante três meses – de julho a setembro –, alunos do 5º e do 6º anos das escolas Carlos Laquintinie, Brum de Azeredo, Ferreira Viana, Jeremias Fróes, Alcides de Mendonça Lima e Nossa Senhora do Carmo participarão de oficinas, em turno inverso ao escolar, no espaço onde está o painel no Mercado, para produção de trabalhos individuais com tampinhas imantadas e pranchetas aderentes ao ímã. As montagens serão livres, voltadas a temas da natureza.

      Nesta terça (12) e quarta-feira (13), as escolas serão visitadas pelo idealizador do Projeto e sua equipe, para palestrar sobre os objetivos do Tampart e repassar um recipiente coletor de tampinhas para cada instituição de ensino. Nele, os alunos vão depositar e juntar o material a ser utilizado nas oficinas.

“O projeto é de todos; é da raça humana! Os maus-hábitos são falta de respeito com outras espécies vivas!”, exclamou Ubiratan Fernandes.

      Para o secretário de Educação e Desporto, Artur Corrêa, o Tampart é uma oportunidade para que os alunos entendam que preservação é fundamental para o equilíbrio do planeta. Para o vereador Fabrício Tavares, é uma maneira lúdica, efetiva e eficaz de desenvolver bons hábitos nas crianças e fazer com que os transmitam para a família.

Oportunidade de compreensão da importância da preservação, segundo secretário Artur Corrêa — Foto: Gustavo Vara 
“O Poder Público tem a responsabilidade de fazer parte da construção de um mundo mais harmônico, de preservar vidas e o ambiente. A adesão do Tampart ao Pacto serve de exemplo para estimular maior envolvimento de administrações municipais com a segurança e com os cuidados ambientais”, afirmou a prefeita.

      Depois do período das oficinas com alunos das seis escolas, a ideia é a confecção de um grande painel com tampinhas, para ocupar espaço em via pública, servindo para apreciação, exemplo e estímulo à comunidade.

Líder do governo na Câmara e representantes de órgãos municipais também prestigiaram encontro — Fotos: Gustavo Vara

      O evento também contou com a participação dos secretários de Cultura e Governo, respectivamente Giorgio Ronna e Clotilde Victória; da assessora de Comunicação, Inês Portugal; e dos representantes do Núcleo de Educação Ambiental em Saneamento (Neas) do Sanep, Giovani de Souza Silva, e da Secretaria de Qualidade Ambiental, Valter Poetsch; e das chefes de Gabinete da Prefeita e do Vice-Prefeito, Kelli Schaefer e Simone Corbelini.

      Confira todas as fotos da reportagem neste link do Flickr da Prefeitura.

Tags

tampinhas, oficinas, pacto, meio ambiente, preservação

Carregando 0%